segunda-feira, 29 de março de 2010

Parabéns Salvador

Neste dia, Salvador completa 461 anos de história. Fundada em 1549 por Tomé de Sousa, “um fidalgo honrado, ainda que bastardo”, como escreveu Gabriel Soares de Sousa no seu Tratado Descritivo do Brasil de 1587, Salvador é uma cidade repleta de paradoxos: rica, pobre, bela, feia, alegre, triste, cosmopolita, provinciana, mesquinha e generosa. Salvador nos enche de orgulho e vergonha. Orgulho por ela ser o que simplesmente é: linda, luminosa, encantadora, festiva, charmosa, hospitaleira, guerreira. Vergonha por insistir em conservar no seu dia-a-dia o desrespeito oriundo de todas as camadas sociais, a falta de educação de quem nela habita, a estupidez e ambição desmedidas das suas elites e a violenta segregação encoberta pelo estigma de “terra da felicidade”. Assim é Salvador, uma cidade repleta de graves problemas sociais, econômicos e ambientais. Uma cidade que não sabe planejar seu futuro, pois vive se descuidando do seu presente. Uma cidade maltratada e maltrapilha que, de um lado nos aborrece e irrita, e, de outro, nos embala como uma mãe amantíssima, especialmente, quando o sol se põe e a brisa agita as águas frescas da baía querida. Parabéns Salvador, terra amada, terra à vista (por Sílvio Benevides).
*
Imagem: Pôr-do-sol no Porto da Barra (Salvador/BA), por Sílvio Benevides.

2 comentários:

Helton Ojuara disse...

Estou colocando seu blog na minha lista de blogs.
att: Helton Ojuara

Juliana Pires disse...

Parabéns Salvador, está para nascer cidade mais linda!

Beijos